Menu Fechar

Senso Comum – uma vaga lembrança de um espetáculo

SENSO COMUM – uma vaga lembrança de um espetáculo continua o caminho que a Terceira Pessoa e Óscar Silva iniciaram em 2016 com The Old Image of Being Loved. Nesse trabalho o público era convidado a cocriar o espetáculo em tempo real, jogando com as ideias de memorável e teatralidade. Das formas mais imediatas de inscrever o espetáculo na memória emergiram filmes, fotografias e promessas, criando um material memorável comum. Em SENSO COMUM os criadores regressam a esses materiais para criar um novo espetáculo. Neste, propõe-se a um novo público a experiência do teatro enquanto lugar-comum e transmissível. Uma peça de teatro que é assumidamente montada em cima de ideias lançadas por espetadores de um espetáculo supostamente memorável.

 

 

FICHA TÉCNICA:

Direção, Cocriação e Interpretação: Ana Gil, Nuno Leão, Óscar Silva 

Desenho de luz: Tiago Correia

Vídeo e fotografia de cena: Tiago Moura

Produção de: Terceira Pessoa Associação

Com o apoio de: Fundação GDA, Câmara Municipal de Castelo Branco, Cine-Teatro Avenida, Rua das Gaivotas 6, Espaço do Tempo e 23 Milhas.